Crescimento no investimento de mídia digital em 2014 será de 16,7%

“Crescimento global de investimento em mídia irá dobrar em 2014.”

Fonte: eMarketer.

 

A primeira vista a frase escrita acima nos dá a entender de que teremos duas vezes mais investimento em mídia do que o ano passado (2013), porém o que terá aumento será o percentual de crescimento deste investimento. Ou seja, tivemos em 2013 crescimento de 2,6% no investimento de mídia e em 2014 teremos 5,7%.

eMarketer_EstudoDigital_TotalMidia_1

Este percentual representa 119% a mais que o crescimento de 2013 e 30% a mais que o crescimento que tivemos em 2012.

 

Os principais pontos para este crescimento são: Copa do Mundo de 2014 e, em menor escala as, Olimpíadas de Inverno. O crescimento também é atribuído ao aumento de investimento nas mídias digitais (desktop e mobile).

 

eMarketer_EstudoDigital_TotalMidia_2Quando as bases de investimento são equalizadas ao ser dividir o volume total investido versus a população de cada país podemos perceber que:

- O EUA investem mais em volume como em valor médio por habitante, cerca de $564 dólares por pessoa;

- O Brasil investe apenas 18% do que o EUA investem, $100.

- O Brasil é o país latino americano que mais investe, sendo 15% maior que a Argentina e 111% maior que o México.

- Comparando entre EUA, Brasil, Argentina e México o Brasil é o país com maior média de crescimento de investimento por habitante. Sendo o crescimento médio, para os anos de 2014 e 2015, no Brasil de 10%, o EUA de 4%, Argentina 5% e México 7%;

 

Quando entramos no investimento em digital (considerando desktop e mobile) temos projeção de crescimento ainda maior para 2014, com 16,7% contra os 5,7% da mídia como um todo.

 

O share de investimento em digital para o mundo todo fica em 25,7% do que é investido, tendo o EUA e Coréia do Sul como os principais países para elevar essa média, 33,8% e 34,5% respectivamente.
 

eMarketer_EstudoDigital_Digital_2 Na américa latina temos share de 6,3%, empatando em percentual com a Europa Central e Oriental (6,3%) e ganhando do oriente médio & África (4,6%).

 

Comparando os mesmos países citados anteriormente o Brasil tem:

- 88% a menos de share que os EUA (33,8%>4,20%);

- 35% a mais de share que a Argentina (4,20%>3,10%);

- 84% a menos de share que o México (4,20%<19,20%);

 

Assim como no crescimento de investimento médio por habitante, o Brasil é o país que possui a melhor média de crescimento no share de investimento de mídia digital. O Brasil tem projeção de 67%, enquanto que o EUA tem 43%, Argentina 31% e México 37%.

 

A previsão para que o Brasil tenha share em digital semelhante ao que o EUA teve em 2013 (21,6%) é de apenas 2018, o qual alcançaremos a marca de 20,7%. Neste mesmo ano a projeção é que o EUA tenha cerca de 67% de investimento em digital.

 

É notório que o Brasil ainda está muito atrasado em relação à utilização de novas tecnologias, como podemos ver na veiculação via mídia programática, em que o EUA já atua desde 2010 e o Brasil iniciou seu investimento neste tipo de mídia apenas em 2012/2013.

 

Enjoy!

 

Fonte: eMarketer

 

About Bruno Martos

Head de Mídia Programática na 2ACTION, atendendo agências como DM9DDB, Africa, Sunset, Leo Burnett, Dentsu e AG2; 8+ anos de experiência em marketing digital, com passagens pela Aunica e Ogilvy; Especializado em mídia online e BI. Formado em publicitário na FAAP e pós-graduado em marketing na EAE-Barcelona; Principais clientes: Chevrolet, Fiat, Consul, P&G, C&A, O Boticário, Vivo, Claro, Kraft Foods, Asics, Citibank e Itaú.